.

.

quinta-feira, 20 de março de 2014

Frio na Espinha

Primeiro, antes de tudo, resolvi deixar o Bernardo ir ao aniversário, vou chegar lá e analisar o ambiente (kkkkkkkkk), e dica da minha amiga: deixa o telefone na recepção e com a mãe do aniversariante, caso aconteça alguma coisa ou ele queira voltar antes. Como o aniversário vai ser no boliche do BIG, eu fico ali no BIG esperando. Kkkkkkkkkkkk eu disse que tô tentando né! 

Então, esse final de semana fui ao gastro tirar os pontos, não sei a razão de morrer de medo de tirar pontos, cheguei lá com a pressão alta, dor de barriga, suando frio. Entrei no consultório quase desmaiando.. O médico: Que você tem? E eu falei: medo de tirar os pontos. Ele me olhou com aquela cara: Que ponto guria? Nossa, uma tonelada a menos nas costas, obrigada kkkkk. Detalhe, meu umbigo agora parece olho de japonês, o que ficou bom, pq depois das três gestacões parecia mais o buraco negro akkaakakakakakkakakaka.

Como uma boa paciente, estou me cuidado depois da cirurgia, não estou empurrando sofa, estantes, camas, limpando casa, passando roupa, porque eu tenho empregada, babá, cozinheira e uma governanta como diria meu ex-obstetra. Pq ex? Pq ele me traiu, e eu ainda estou magoada. 

Há uns dias atrás levamos o Bacon para seu primeiro passeio. Ele tem 5 meses agora. E tem a benção do veterinario dele para passear. Nossa ele ficou tão feliz, ele, as crianças, e eu principalmente por ver aquela cena familiar tão doce. Minha familia no bosque passeando com o Bacon. O Bacon tem aprontado tanto, que nem sei mais o que contar. Ele riscou todo o nosso carro :/ kkkkkk esburacou o quintal, sujou minhas paredes claras, aa e agora ele chama o Bernardo pra jogar futebol. Ele pega a bola, segura na boca, depois empurra com o focinho e late. Coisa fofa *-* alias, ele aprendeu a latir \o/ fico feliz com as conquistas do nosso filho de quatro patas.

Esses dias atrás, fomos ao Angeloni, sempre faço compras lá porque o mercado é tranquilo e lá tenho certeza que não vou perder as crianças, alias tem um lugar pra deixar as crianças pra fazer as compras com tranquilidade. Então, vou sempre lá. Esses dias fui tarde, e o lugarzinho abençoado la estava fechado, fiz compras com as crianças, e eles estao numa vibe de fazer jiu-jitsu. Começaram a lutar no mercado, e acabaram derrubando varias coisas, e eu pedindo para se acalmarem, notei aqueles olhares que te lançam nas costas? Já sentiram esse olhar? Nunca liguei para o que os outros pensam de eu ter 3 filhos e querer mais um, mas esse dia, senti aquele olhar frio de julgamento na minha espinha. Falei com uma amiga e ela me  contou que foi ao Pizza Hut de Curitiba e eles não aceitam familias com crianças no horario do meio dia, somente após a uma. Sinceramente, essa sociedade só me desaponta. 




4 comentários:

  1. afff é cada uma mesmo né...eu fui jantar uma vez num lugarzinho bem bacana que abriu por aqui...eu ,marido e as crias...em plena sexta feira e tal..estavamos felizes..e lá tinha uma parte q fica os brinquedinhos pra crianças..sentamos bem em frente,assim ficariamos de olho nos pirraios brincando.Apos um tempinho chega mais 2 menininhas...aí sim o barulho aumentou ainda mais e a farra tbm..um senhor q estava sentado bem proximo..daqueles solteiroes sabe...pra n dizer outra coisa..ficou extremamente incomodado..ele me pareceu aquele mtipo q vai,pede uma agua e fica trocentos anos usando o Wi-Fi do lugar.. em determinado momento,ele me olhou e disse: Bem feito...
    eu perguntei se era comigo,e ele disse q sim..q ele daqui uma meia hora estava indo embora,mas q eu ainda ia criar aquelas crianças por alguns anos a mais etal..ele estava com cara de nojo pras crianças...
    eu me possui! meu marido nessa hora estava pagando a conta...
    eu disse q ele q n pedi a opiniao dele,e que eu estava sim feliz pq tinha uma familia,q estava feliz jantando e se divertindo,e q ele em plena sexta feira estava sozinho chupando o dedo e que sim,ele tinha sentado em frente a area de brinquedos,entao ou q se mudasse de lugar ou entao q frequentasse locais onde n é permitida a entrada de crianças....
    Ai mas me deu uma raiva tao grande desse homem....n só pelo q ele falou,mas sim pelo fato de como ele olhava com nojo pras crianças..q estavam brincando,gritando um pouco(pq sim eu sou chata as vezes e fico regulando a intensidade das crias kkk)e tmb por ele ter dito q graças a Deus ele n tinha filhos....como póde existir pessoas assim afff...]
    E tbm Aninha quando fomos pra Pipa..paramos em uma pousada q eu nem sabia q era tao caraaaaaaaaaaaaaa e nem tao chique assim..o nome é Toca da Coruja..chegamos lá ,as crias forma subindo..isso na recepção...foram subindo numa mesinha,pq tinha um tabuleiro de jogo ...e quando fomos falar com o atendente,ele nos disse q crianças somente acima de 10 anos..eu na mesma hora dei um stop nas crias q estavam mexendo naquela mesinha abençoada rsrsrsrsr..e fomos embora...eu ate entendo alguns lugares q n permitem né...escolha do proprietario..e tmb é pra agradar certa classe de clientes...eu nem queria mesmo ficar nessa pousada..carissima,mais de 1000 por dia...afff

    ResponderExcluir
  2. Aninhaaaaa, eu fiz um comentário enorme assim que vc escreveu e tinha certeza que estaria aqui! Você deleitou, né?! Heheheh. Brincadeira, mas eu realmente tinha escrito e sei lá porque não está aqui.... Enfim. Adoro seu blog! Não vou tentar lembrar tudo que comentei, mas sei que comentei sobre como eu sei bem do sentimento de caras feias nos olhando conforme nossos filhos agem como crianças, pois é o que são. É claro que aqui a tolerância normalmente é um tanto maior devido a quantidade de famílias grandes e etc.... Que povo bobo.

    Um Abração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nao deletei naoooooo guigaaaaaaa, aonde ele foi paraa?

      Excluir
  3. Oi querida, adorei seu blog! te amo!

    ResponderExcluir